Obrigado!!!

Fonte: Jornal da Madeira

Estamos no início de mais um ano e, ao consultar o calendário oficial das datas comemorativas, verificamos que todo dia é dia de comemorar alguma coisa importante. Seja uma data histórica ou uma data simbólica, celebrar é preciso. Você sabia que existe até mesmo o dia internacional para comemorarmos o ato de agradecer? Simmm… Hoje, 11 de janeiro, festejamos o Dia Internacional do Obrigado.

Nos primeiros dias do ano, enquanto preparava o artigo sobre a Gratidão, minha prima Cláudia me lembrou que em janeiro também temos o dia do “obrigado” e ficamos questionando porque esses dois temas, aparentemente tão similares, eram comemorados em datas tão próximas. Após algumas pesquisas sobre o significado das palavras Obrigado e Gratidão, nos deparamos que, apesar de ambas expressarem agradecimento, existe uma sutil variação que faz toda diferença.

Desse modo, se olharmos no dicionário, a palavra obrigado significa: “que se sente devedor de um favor, de uma amabilidade; agradecido, grato”. Quer dizer que você está agradecendo e está se sentindo devedor de um favor. Mesmo que nunca seja cobrado, vem o sentimento de que você deve algo ou uma obrigação.

Já a palavra gratidão significa: “sentimento experimentado por uma pessoa em relação a alguém que lhe concedeu algum favor, um auxílio ou benefício qualquer; agradecimento, reconhecimento”. Você demonstra sentimento e respeito pelo gesto da pessoa, sem o sentimento de que “deve algo em troca”. Ser grato, como mencionado no post anterior,  é um modo saudável de trazer para a vida mais positividade, razão pela qual é importante exercitar a gratidão.

Uma vez esclarecida a diferença entre essas duas palavras, vale destacar que o Dia Internacional do Obrigado surgiu por iniciativa dos usuários das redes sociais e sua origem é desconhecida. Mesmo parecendo insignificante, esta palavra de oito letras faz toda a diferença para quem a recebe, assim como deixa feliz quem a profere. Por isso, neste dia, basta sabermos que é uma data dedicada à reflexão sobre a importância de agradecer às pessoas, sejam desconhecidas ou próximas. Distribuir um pouquinho de simpatia com um simples “obrigado”, com certeza fará com que qualquer um de nós se sinta bem melhor! Afinal, quem faz o favor sente-se bem em ter contribuído, assim como quem o recebe, não é mesmo?

Por que dizer “obrigado”?

Estamos acostumados a agradecer às pessoas no “automático”, proferindo o clássico “obrigado”. Mas você sabe a origem desse termo? Pode até parecer, mas não tem nada a ver com a ideia de ser forçado ou coagido. O termo obrigado vem de obligatus que, em latim, é o particípio do verbo obrigare, cujo sentido é ligar por todos os lados; amarrar. Quer dizer que estamos ligados a alguém pelos laços de agradecimento, por causa de uma gentileza ou um favor, expressando um reconhecimento por isso. Na verdade, é uma redução da expressão: “fico-lhe obrigado”, ou seja, “estou ligado a você pelo favor que me prestou”, de forma que um elo passa a existir entre as pessoas que se sentem obrigadas umas para com as outras.

Fonte: Freepik

Entretanto, o sentido do agradecimento vai além do reconhecimento de uma ação. Ele alcança a conexão moral formada entre as partes, existindo o comprometimento de quem recebeu o favor, ainda que momentaneamente. Deste modo, com um simples “obrigado” costumamos agradecer por algo que nos foi benéfico, seja uma atitude humana ou até mesmo algo que cremos ter recebido de uma força superior, fruto de nossos pedidos. Assim, deixar de dizer obrigado, ou obrigada, é visto como falta de educação pela nossa sociedade.

Motivo pela qual, desde pequenos, somos educados a dizer “obrigado” como resposta para qualquer tipo de gentileza que nos seja direcionada. Entretanto, na vida adulta, diante de tantas adversidades, muitas pessoas acabam por ofuscar o verdadeiro significado deste sentimento, tornando a palavra “obrigado” sem o verdadeiro sentido de gratidão, passando a usá-la de forma inconsciente, apenas por educação ou por regras que nos fazem viver em comunidade. Assim, ao dizermos “obrigado”, é essencial agradecermos de “coração” pois a gratidão, essa sim, é um sentimento poderoso e verdadeiramente transformador em nossas vidas, sendo a forma mais elevada de amadurecimento psicológico.

Portanto, ao inserirmos o hábito de dizer obrigado, de forma consciente, reconhecendo o desprendimento do outro, interfere positivamente em nossos níveis de generosidade e compaixão, indispensáveis à construção de relacionamentos mais saudáveis. Quando sentimos gratidão, este sentimento fortalece as relações interpessoais, pois demonstra que somos capazes de reconhecer a importância e o potencial do outro. Quem tem o costume de agradecer, tende a sentir menos inveja, ressentimento, arrependimento e outros sentimentos que geram estresse e descontentamento, uma vez que, ao encararmos as dificuldades com gratidão, lapidamos o nosso ego e crescemos como seres humanos.

Principalmente nos dias atuais, em que o “marketing” vigora fervorosamente nas redes sociais, muitas pessoas anseiam por objetos e status que nem sempre lhes pertencem, lamentando não terem “sorte” e, até mesmo, deixando-se levar pela frustração por não reconhecerem o bem em suas próprias vidas. Neste contexto, o sentimento de gratidão transcende a necessidade do ganho, de modo que viver agradecido eleva nossos olhos acima da materialidade e nos conduz por caminhos mais amenos, blindando nossos desejos contra a efemeridade do mundo consumista em que vivemos. É preciso, acima de tudo, agradecer e dizer “obrigado” ao universo por tudo que temos e somos!!! 

Fonte: Sonho Astral

Como vimos, a gratidão é mais que uma atitude corriqueira de nos mostrarmos satisfeitos com um favor. Ela é uma emoção, um valor que provém da ação gratificante, de um ganho inesperado ou de um pedido atendido. Sentir-se grato é algo que nos coloca em conexão com a prosperidade espiritual e emocional pois, sentindo gratidão pela vida e pelo que ela nos proporciona, nos distanciamos da escassez. Assim, agradecer pelas mínimas coisas nos transborda de abundância: quanto mais gratos nos sentimos, mais coisas boas fluem em nossas vidas! 

Fonte: O Subconsciente tem Poder

Em suma, a gratidão também é um ato voluntário que beneficia as duas partes. Não deixa de ser um bem despretensioso, sem interesses ou cobranças, pois quem faz o favor sente-se bem em ter contribuído, assim como quem o recebe. Sendo assim, jamais devemos fazer um favor almejando algo em troca. O obrigado, o ficar-lhe obrigado, não exige retribuição, pois descaracteriza o bem pelo bem.

Posto isso, vale ressaltar que dizer “obrigado” com o espírito de gratidão, além de ser um sinal de boa educação, é uma forma de partilhar a alegria e o reconhecimento por algo que nos foi concedido, oferecido ou facilitado. Um “obrigado” pode fazer toda a diferença para quem a recebe, ainda mais quando acompanhado do sentimento de gratidão que mostra consideração, respeito e, acima de tudo, humildade. 

A gratidão desbloqueia a abundância da vida. Ela torna o que temos em suficiente, e mais. Ela torna a negação em aceitação, caos em ordem, confusão em claridade. Ela pode transformar uma refeição em um banquete, uma casa em um lar, um estranho em um amigo. A gratidão dá sentido ao nosso passado, traz paz para o hoje e cria uma visão para o amanhã.” (Melody Beattie)

E, como o tema de hoje é sobre a importância do agradecimento, encerro este post agradecendo, do fundo do meu coração, a todos vocês que têm a enorme paciência de ler os nossos artigos (meu e/ou da Dani) e vêm nos incentivando a dar continuidade neste projeto, que é a concretização do nosso sonho. Muito, muito obrigada!!!   

~ Bia ~

Uma resposta em “Obrigado!!!

  1. Bia, obrigada por me proporcionar momentos de leituras tão significativas, instrutivas, criativas…e gratidão pela nora que me deu, pelo netinho tão maravilhoso que ela nos trouxe…Gratidão a Deus pela Família que formamos! Beijo no ❤️

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s